segunda-feira, outubro 02, 2006


DE ESPANHA
NEM BOM VENTO NEM BOM CASAMENTO

Segundo reza hoje o “Diário de Notícias” uma criança que estava num centro de acolhimento foi oficialmente adoptada em Barcelona - um processo corriqueiro que só tem valor noticioso porque o rapaz é, desde o Verão, o primeiro filho adoptivo de uma família homoparental em Espanha.
Até agora, a adopção só tinha sido concedida a uniões de lésbicas ou a homossexuais solteiros.

Segundo o matutino, o anúncio foi feito por Carme Figueras, conselheira da Família de Barcelona, durante a inauguração do I Fórum Internacional da Infância e Família. Segundo a responsável, trata-se de uma criança que também pertence à comunidade catalã, tendo o longo processo de adopção nacional sido concluído com sucesso. Algo apenas possível depois da aprovação pelo parlamento espanhol, a 31 de Março de 2005, da lei de adopção por casais homossexuais - e da legislação sobre o casamento civil gay concluída em Julho do mesmo ano. Desde então, apenas deram entrada 28 processos de adopção por parte de casais homossexuais na Catalunha, 20 dos quais são de homens e oito de mulheres


Com exemplos destes a sociedade caminha para o abismo. O sistema do “politicamente correcto” e das “amplas liberdades” está a transformar-se numa mistela nauseabunda.
Querem transformar a sociedade numa autentica lixeira.
Para onde caminhamos ?
MA

Comentários:
e a maricagem portuguesa toad a dizer : -olé espanha
 
E uma esfregona carregada de merda nas tuas ventas?
Vai tratar-te, nazi nojento.
 
A maricagem quando não gosta trata logo de chamar nazi.
 
mais uma vez nao sou o anonimo das 8.11, mas cm quem defende os homossexuais tb é rotulado de "maricagem", eu gostava de dizer q o nazi de certeza que nao tem uma mulher tao bonita ,gostosa e inteligente cm eu. vá-se catar seu homofobicozeco!
 
guarda-a bem. Não vá ela fugir com um nazi.
 
fugir com um nazi? sim, com ele na mala do carro e a shotgun do machado no banco do passageiro. destino: um baldio qualquer.
 
«eu gostava de dizer q o nazi de certeza que nao tem uma mulher tao bonita ,gostosa e inteligente cm eu»

Se calhar uma mulatazita brazuca, fruto da miscenização que abastarda as raças e as vão tornar estéreis (são as leis de Mendel)...

Eu prefiro as arianas ou as latinas (mas não espanholas ou sul-americanas) de pele clara, mas enfim, gostos não se discutem, mas lamentam-se...

Nota: Não tenho fobia do que é igual, tenho é nojo de quem é contra-natura...
 
prefiria o nazi qd nao citava "leis" q ja foram espezinhadas e dileceradas pela ciencia e q estao mais mumificadas q ramses II. até aí parecia só um bronco. agora é um bronco estupido.

por acaso a dita nao é brasileira. confundi-o com o uso de "gostosa". há brancas gostosas, assim cm ha brasucas e negras bem apetitosas. macho cm você é admiro-me se resistisse a uma boa bunda duma mulata.

se nao tem tempo para ler, vá trabalhar!
 
Por melhor do ponto de vista economico que a visinha Espanha esteja melhor que nós do lado moral há um decrescimo de dia para dia que até pode ser preocupante visto acontecer bem aqui ao lado e a grande tendencia que temos para aprender com os maus exemplo.
 
A bunda gigantesca de uma hotentote de pele escura causa-me nojo, não desejo, se é isso que quer saber. Fazer amor com uma desgraçada dessas aproximar-me-ia da bestialidade. Mas, na realidade, fui induzido pelo termo «gostosa»... Embora concorde que há brancas e orientais bem gostosas, como diz, mas nunca mestiças, negras ou judias (aquelas pencas dão-lhes um ar de certo tipo de símios de longos apêndices). O que quer, são gostos!
Quanto às leis de Mendel, não estão «desmentidas» pela «ciência». Esta não é uma nova religião, como nos querem fazer crer, com fazedores de opinião devidamente instruídos para desinformar as «massas»...
Trabalhei num laboratório de engenharia biológica em Itália, e posso-lhe garantir que os disparates que os media ditos científicos propalam acerca das novas «descobertas» são apenas desinformação. E o «políticamente correcto» é a estupidez mais anti-científica que existe.
Por isso sou nazi com muita honra...
 
a personalidade nao é moldada por caracteristicas biológicas. é tao simples como isto.

da mesma maneira que o próprio conceito de raça não existe biologicamente. ou pelo menos nenhum biologo o consegue provar. existem sim diversas caracteristicas fisicas, q nao sao só a cor da pele, q agregadas de certa maneira, e atribuidas as respectivas significaçoes, constituem a gigantesca categoria social da "raça". é provavel q ache isto muito estranho visto que pelo seu discurso vive numa bolha de sabao.

se voce se apoia no darwinismo (social) para legitimar aquilo que pensa vai muito mal encaminhado. mas é obvio que nao lhe interessa o conhecimento. interessa-lhe sim a legitimaçao dos seus preconceitos, e dos sentimentos q julga naturais.

é uma batalha perdida discutir politica com alguem que se apoia na biologia. tinha de lhe indicar demasiada bibliografia, e perder demasiado tempo a discutir para ao menos passar da cegueira à miopia. e mesmo assim...
 
Não, anónimo, não acho nada estranho, já que a explicação que dá para «raça» (não há raças puras, é claro) é a tendente ao «politicamente correcto» de hoje, que promove a miscenização. Há quem goste, mas para mim é aberrante, e estou-me nas tintas para as modas pseudo-humanitário-científicas de hoje. Como lhe disse, gostos e não preconceitos.

E, para sua informação, quanto a bibliografia científica - devido à minha profissão e não só - tenho uma biblioteca de vários milhares de volumes, que me serve de referência básica e que vou actualizando.

Por último, lembre-se que a Alemanha, no tempo do III Reich, tinha o maior avanço científico do planeta, com computadores desde 1936 (é verdade), televisão, banda magnética, reactores nucleares desde 1941 (Tubingen e Heigerloch), jactos, bombas nucleares (a primeira experimentada em 1944 na Bielo-Rússia e outras duas capturadas pelos americanos e lançadas sobre o Japão, pois a do Projecto Manhatten não estava operacional). E, quanto a medicina e biologia, é melhor nem falar... Mas depois vieram as invasões bárbaras, e são as ideias destes que predominam...

Boa noite.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]