sábado, setembro 29, 2007


ATÉ OS “LARANJAS” PREFEREM A AGRESSIVIDADE POLÍTICA

Luís Filipe Menezes é o novo líder dos sociais-democratas. Em eleições directas de militantes os sociais-democratas deram a sua preferência ao candidato que prometeu mais agressividade política para com o governo de José Sócrates.

Das bonacheirices de Marques Mendes como líder da oposição às políticas do governo socialistas e de um partido no marasmo oposicionista, as hostes sociais-democratas deram o seu voto a um candidato a líder que prometeu agressividade politica e muito pouco “politicamente correcto”.
Prometeu… Provavelmente é a primeira mentira a ser detectada.

Esperamos que o, agora, líder cumpra o que prometeu: -Não dar tréguas a Sócrates.
Era necessário que o maior partido da oposição tivesse uma nova voz e uma nova forma de combate às políticas do governo.
Um dos principais problemas com que Luís Filipe Menezes se irá debater é o facto de não poder estar presente nos debates parlamentares. Vai ser uma situação muito caricata e complicada. O líder do maior partido da oposição não pode debater no Parlamento as grandes questões políticas.
Luís Filipe Menezes não tem a oportunidade de confrontar ministros e primeiro-ministro no Parlamento. Até porque, é este o único espaço que obriga o poder governativo a ter de se confrontar, cara a cara, com a oposição.
A Luís Filipe Menezes apenas lhe resta o confronto na comunicação social e, aí, o poder socialista é rei e senhor.
Também não nos esqueçamos que uma das últimas promessas eleitorais do, agora, líder do PSD, foi a de executar já uma Moção de Desconfiança ao governo de José Sócrates.
Não é que isso vá dar em alguma coisa, mas ficaremos a conhecer as posições da restante oposição e, muito especialmente, do Bloco de Esquerda.

Para nós Nacionalistas isto não nos aquece nem arrefece. È uma guerrilha dos partidos donos e senhores deste sistema. Contudo, somos cidadãos e levamos com as politicas governamentais em cima. Sentimos na pele todos os atropelos das desgovernações.

Luís Filipe Menezes, José Sócrates, Marques Mendes, Paulo Portas, Jerónimo e amigos não passam de políticos que já provaram a sua incapacidade para governar seja o que for. São políticos e partidos que nos governam há mais de trinta anos.
Esta na altura de aparecer algo de novo na politica portuguesa. E, esse algo de novo, só pode passar por nova gente e novas ideias. È aqui que nasce o Nacionalismo.
Uma nova forma de estar e de fazer política.
Manuel Abrantes


Comentários:
Mas essa alternativa pode aconteçer, ou seja, já existe.
É o PND , Partido Nova Democracia.
Que espero nas próximas eleições dar um pulo grande em relação a votos.
 
A "Laranja" têm pouco sumo e está a ficar azeda.
Também acho que as alternativas na direita nacional estão a surjir e a ganhar alma.
vamos aguardar para vêr.

cumprimentos
marcorijo
 
mas qual PND qual quê?
em 1º lugar o populismo do menezes vai ofuscar a nova democracia.
e em 2º diz-me, marco rijo porque é que de repente o PND se tornou uma alternativa credivel, quando o programa e os dirigentes são os mesmos? não sei se sabes mas para mudar o programa politico é necessário um congresso e ser aprovado com uma maioria de 2/3.
 
Caro Manuel Abrantes, é verdade que em 2005 votou no PND?

então! o que o fez sair e voltar a entrar, na nova democracia?

por favor , não interprete isto como uma brincadeira e muito menos como uma ofensa pessoal.

Cumprimentos
Eduardo
 
Sr Eduardo
Em 2005 eu nem seqer conhecia o PNR.
Aderi ao pNR depois disso. Nunca o escondi.
 
Se todas as pessoas que ao votarem neste ou naquele partido os comprometessem com o partido em que votaram, numa ou noutra altura, então o seu PNR estva dependente, em termos de votos, só nos novos votantes.
SAe estão e crescer +é com votantes que já votaram noutros partidos.
Por aqui se pode ver a noção de política que os senhores têm.
Não vão a lado nenhum
 
Abrantes
Não confundas alguma gaitiçe com todos os militantes do PNR.
Segue a tua vida politica e nunca te esqueças que o inimigo não és tu.
Já não és o amigo e camarada mas não és o inimigo.
Vou-te enviar um e-mail pessoal para me identificar.
Desculpa todos estes ataques de mera ignorância política.
 
escrevi PND
partido nova democracia

eduardo
 
Caro Abrantes

Na mensagem que me deixou, eu não a entendi muito bem, mas penso que queria perguntar se podia adicionar o meu blog aos seus links, era isso?
Se era isso, esteja a vontade, pode linkar-me sem problema algum.
Abraço

Rui Pires da Silva
 
Rui.
Er isso mesmo e já está na coluna da direita.
 
A ver no que dá.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]