sexta-feira, fevereiro 29, 2008


“NÃO TENHO MEDO DE SI”

Foi com esta frase que Paulo Portas se dirigiu ao primeiro-ministro, José Sócrates, no debate de hoje no Parlamento.
Paulo Portas, entrou numa discussão sobre o termo “caloteiros”, com que brindou o Ministério da Agricultura durante a sua visita a Beja.
Contudo, o “não tenho medo de si” foi o memo termo com que, o próprio primeiro-ministro, retorquiu a Portas.
Sócrates também não se coibiu de dizer : -“Também não tenho medo de si, senhor deputado Portas”
Pareciam dois miúdos zangados nas suas brincadeiras.
Só faltou brincarem ao “quem mete cuspo por detrás da orelha” e assim demonstraram a sua valentia de garotada mal comportada.

Para este tipo de discussão só existe um termo: -Desavergonhados!!!
Estes politiqueiros já perderam a vergonha e o respeito uns pelos outros. Aliás, o próprio Paulo Portas afirmou que tinha “perdido o respeito pelo primeiro-ministro” ao qual, José Sócrates, retorquiu dizendo: - “faça favor senhor deputado”.

È este tipo de politiquice que estamos entregues.
Tenham um pingo de vergonha e dignifiquem os cargos para que foram eleitos.
Será pedir muito ?
Manuel Abrantes


Comentários:
*****
È este tipo de politiquice que estamos entregues.
Tenham um pingo de vergonha e dignifiquem os cargos para que foram eleitos.
Será pedir muito ? (citei)
 
Quero vêr qual a intervenção que vai fazer o seu arqui-inimigo Manuel Monteiro.
De qualquer maneira o futuro de Portugal passa inevitavelmente com a colaboração do P.N.D.
 
Não meu Caro Abrantes, não é só a esta "politiquice" que estamos entregues, é a estes politiqueiros de vão-de-escada, que nos estão a arruinar a vida e o futuro de Portugal.
Há que começar a pensar verdadeiramente, em criar um verdadeiro "Partido Vassoura" para de uma vez por todas acabar com a porcaria produzida por estas criaturas, que nos está a enterrar dia-a-dia.
Há que de uma vez por todas, dignificar o País, criar novamente auto-estima e orgulho no Povo Português, e restaurar e dignificar a verdadeira Democracia, não este imbróglio a que chamam "democracia".
Corruptos, chupistas, oportunistas e todo o tipo de sacripantas, tem de ser corridos de lugares de destaque, e dar lugar a verdadeiros patriotas, que se preocupem com o destino da Nação e do Povo Português, e não nos levem como esta gente está a levar, para os confins do 3º Mundo.
Abaixo os oportunistas e toda a cáfila de malandros que infectam este país.
Viva Portugal.
LUSITANO
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]