terça-feira, dezembro 16, 2008


DO PRESIDENTE DO PNR
AOS NACIONALISTAS

Mesmo não concordando com muitas das suas posições, e praxis política, “Estado Novo” não poderia deixar de publicar a ultima mensagem do Presidente do Partido Nacional Renovador a todos os Nacionalistas. Mensagem publicada no site oficial do PNR.

A propósito da recente reportagem que a TVI emitiu no passado mês de Novembro, sobre imigração, com o título “Português Suave”, importa tecer uns breves comentários que desmontem a propaganda multicultural e falta de honestidade que envolveu essa peça que, apenas visou atirar areia para os olhos dos portugueses, passando-lhes um atestado de idiotas e branquear os malefícios da imigração. Mas muitos portugueses que viram tal pérola da manipulação perceberam bem o calibre dessa lavagem ao cérebro.
Muito haveria para dizer acerca de tão chocante programa que apenas serviu para vitimizar os imigrantes, coitadinhos, mal recebidos e mal aceites por muitos portugueses “insensíveis” e “desumanos”. Mas de tão óbvia intenção manipuladora, qualquer olhar um pouco mais atento percebeu o grosseiro dessa peça, ofensiva e falsa.

Desde logo pela exposição de uns quantos casos de vida banais, de veracidade discutível, com excessivo tempo de antena, recorrendo a uma amostragem da imigração, tendenciosa, sem rigor, que nada corresponde à realidade da maioria dos imigrantes que nos invade.
E porque não falar em situações verdadeiramente ofensivas para os portugueses desempregados, como a excessiva preocupação pelo cigano sem emprego? E então as centenas de milhares de portugueses sem emprego? Essa imensidão de histórias dramáticas, de incerteza quanto ao presente e ao futuro, fruto de injustiças da lógica capitalista e da concorrência desleal da mão-de-obra imigrante, não preocupa os senhores da TVI?
E já agora, com toda essa prosápia, seria interessante saber quantos ciganos trabalham na TVI…A falta de seriedade passou também pela ausência de contraditório em relação a certos depoimentos, bem como em relação às “verdades” baseadas em “estudos” e “números”, debitadas pela Rosário Farmhouse, do Acidi.

Quanto às afirmações capciosas da Senhora Rosário Farmhouse, é lamentável verificar que afinal os “campeões” do humanismo e da solidariedade, na sua argumentação em defesa das “vantagens” da imigração, refiram que estes dão lucro, encarando-os assim como mercadoria, bem ao gosto dos capitalistas, e não como pessoas.
Ainda que falasse do imigrante como simples matéria-prima ou mão-de-obra, também não é verdade que dêem lucro. Se é assim tão claro que eles dão lucro, é provável que então sejam então os portugueses que estão a dar prejuízo e por isso… talvez estejamos cá a mais.
Por acaso nas contas desta Senhora entraram os 73 milhões de euros que lhe foram atribuídos para o Acidi, pelo Orçamento de Estado?
Dinheiro esse, que é retirado dos impostos dos portugueses, para ser desbaratado em benefício dos imigrantes e gasto em propaganda pró-imigração e pró- multiculturalismo. Esse dinheiro não seria tão precioso para ajudar a diminuir a pobreza, por exemplo, entre os reformados?Então e os colossais gastos de dinheiro - dos impostos dos portugueses - com as dezenas de associações de apoio à imigração? E os gastos com a “integração”, rendimentos mínimos, casas, subsídios e tantos apoios para os imigrantes? E os gastos futuros com as reformas dos imigrantes que contribuem hoje com o trabalho? E os gastos com o reforço dos meios de segurança para fazer face à criminalidade derivada da imigração?
Por isso, Senhora Farmhouse, faça essas contas completas e apresente os números verdadeiros!Mas, pior que tudo isso, se falasse no problema da imigração não apenas como mercadoria ou números, mas sim numa perspectiva social e humana, então as coisas ainda iriam piorar, pois nessa “equação” seria imperioso incluir os incomensuráveis prejuízos sociais - que são os piores! - que ela traz: a ameaça à nossa identidade como nação, os danos sociais aos portugueses e a criminalidade!Sim, a imigração trouxe toda esta criminalidade nunca vista em Portugal!
Voltando ao programa da TVI… e para desmascarar a sua vergonhosa manipulação, não posso deixar de referir a maldade na forma como são apresentados os Nacionalistas e o PNR: os “maus da fita”.
A falar-se em Nacionalistas, apresentam-se logo imagens de agitação e sons de ambulâncias para assustar as pessoas, estigmatizando sistematicamente a nossa imagem. Além disso, atribui-se aos únicos que em Portugal combatem estas políticas de imigração, apenas um tempo reduzidíssimo de declarações, pouco esclarecedoras, como resultado de duas longas entrevistas.As duas figuras do nacionalismo entrevistadas, não tiveram juntas, metade do “tempo de antena” de um só dos “coitadinhos” entrevistados.

Para terminar, importa referir que, ao dar a entrevista à TVI - para dela terem extraído uns escassos segundos… - fui alvo de uma tentativa de agressão com arremesso de garrafas de cerveja e insultos, em pleno dia, no Martim Moniz, por parte de um grupo de africanos, os quais tentaram inclusivamente roubar a câmara da TVI. A jornalista e o operador de câmara, bem sabem os momentos de sufoco e perigo real que se viveram ali. Há imagens captadas, esclarecedoras desses momentos, que fariam as delícias de qualquer repórter ao conseguir tais inéditos. Mas não só as ocultaram, como nem ao menos fizeram uma leve alusão ao episódio. Porquê?! A resposta é simples: uns segundos dessas imagens deitariam por terra toda a mensagem propagandística de vitimização desses que, bem o sabemos, estão cá a mais.
Quando se ocultam imagens dessas (reais), e se apresentam com grande ênfase, casos de vida (hipotéticos) de imigrantes "de topo", estamos perante a mais pura e escandalosa manipulação jornalística.Nada mais há a dizer!Só não vê, quem não quer ver!

José Pinto-Coelho

Comentários:
Sim mas falta aqui dizer que o "outdoor" que eles puseram, e que foi a repetição de um outro parecido que já tinham posto, foi uma má gestão dos donativos que os diversos militantes deram, pois há tantos problemas que afectam o País, como :

-Casa Pia
-Terríveis condições da nossa Polícia.
-Desemprego
-Bancos corruptos
-aumento de criminalidade,
-Escolas sem condições, em que os alunos estão a passar mal com frio e falta de tanta coisa.
-Portugueses no desemprego.
-donativos para as ex-colónias,aos milhões de euros e os retornados e os antigos combatentes do ultramar sem serem devidamente indeminizados.
-enfim listas e listas de problemas e o Jose´Pinto Coelho a a falar num assunto em que já tinha falado..e que deu para o torto, mas é teimoso e voltou á estaca zero com negativa.

é "vira o disco" e toca o mesmo



-
 
Partido em formação, essencialmente nacionalista lusitano, genuinamente preocupado com o aspecto económico, histórico,literário moral, bem estar e o futuro dos portugueses e de Portugal.

Visite e DIVULGUE o nosso Forúm em www.p-n-p.forumeiros.com


onde poderá apresentar as suas ideias e onde pode conviver com a diversidade de opiniões de outros militantes, na maior das harmonias e respeito.

O ÚNICO PARTIDO NACIONALISTA SÉRIO, CREDÍVEL, RESPONSÁVEL E RESPEITÁVEL.,

Não perca o "comboio" e faça como tantos outros que ás centenas se estão a juntar a nós todos os dias.
 
neste pais tudo esta de cabeça para baixo , tudo esta ao contrario . viva o pnr !
 
SÉRIO, CREDÍVEL, RESPONSÁVEL E RESPEITÁVEL.,


Não acredito que um partido que não existe, se queira fazer passar por "sério credível e responsável e respeitável," isso é deitar areia aos olhos de quem não quer ver!

Aproveitar um comunicado do P.N.R para fazer propaganda de uma coisa que nem sequer existe é um mau gosto atroz.
Mais penso que esse Nacionalismo Lusitano, que tanto apregoam, não é mais que propaganda apregoada por uma cambada de Arikanders e não é mais do que o encapotamento de um racismo Boer.
A mim não me engana nenhum Pastor Evangélico.


Tenham juízo e respeitem a coragem do José Pinto Coelho e o seu trabalho.

Saudações Nacionalistas aos que são Nacionalistas o que inclui é claro o Abrantes.
 
Claro que o PNP, reconhece e respeita José Pinto Coelho, alias, nós e muitos outros que já não estão no partido, quando for das eleições legislativas, vamos votar no PNR, que de momento é o único partido nacionalista legal em Portugal e aproveitamos para apelar a todos aqui que o façam também ,pois não votar, é dar mais uma oportunidade ao que está no governo, e como nacionalistas que somos, vamos dar força ao nacionalismo

Quanto aos boers, tomara que os nacionalstas portugueses fossem tão unidos o quanto o eram e ainda são os tais boers, que em Africa cosntruiram um potentado, País que de longe é mais desenvolvido, organizado,e disciplinado do que Portugal.

E quanto ao Pastor Evangélico gostaríamso de saber a quem se refere, embora nós neste partido, não tomemos em conta a religão de cada um, aliás respeitamos todos aqueles que seguindo a nossa tradição de País Cristão, ainda praticam os ditames da cristandade.

Talvez seja isso que falte a Portugal, quem sabe?
 
Aparentemente e pelo que me e dado observar e ler nos media a grande diferenca entre o P.N.R. e P.N.P. e que o primeiro vem ha muito adoptando posicoes extremistas, radicais, xenofobas, que em muito se assemelham as da ideologia Nazista de outras eras e que ja devia ter desaparecido da face da Terra. Depois de se saber tudo o que de malevolo fez e a motandadae que causou so idiotas ou acefalos podem advogar tal velharia.
Um partido como o P.N.R. pode ter algumas boas pessoas la dentro mas nao e o suficiente se essas pessoas nao tiverem pulso sobre os arruaceiros que vemos por ai que parecem controlar as cupulas do P.N.R. quando devia ser o contrario.

O povo portugues nao e um povo de extremistas Teutonicos e nao aceita que gente que nao passa de "massa bruta" venha para a rua criar disturbios em nada se diferenciando dos piores energumanos importados para os "ghetos" de Lisboa..
Talvez que o P.N.P. -- creio que ainda em formacao -- venha a ser um Partido verdadeiramente Nacionalista LUSITANO e ganhe a simpatia e confianca do Povo acabando por destronar por completo o P.N.R. da cena politica tornando-se a tal Direita moderna e credivel que faz falta em Portugal e que o CDS do narcisista Portas nao foi capaz de organizar
abandonado milhoes que detestam o Esquerdismo ( todos eles desde o rosa palido afemeninado ao vermelho machao ) a sem ujm "refugio" politico que os represente.
Renato Nunes
 
Exmo Sr. Renato Nunes, nós conhecmeos os defeitos todos do PNR, mas por mais defeitos que tenha, e na impossibilidade de o PNP estar organizado para estas legislativas, pois o tempo corre e elas já aí estão, não votar de todo é, quae como votar pelo PS, ora entre um e outro, nós dicidimos votar pelo PNR, pelo menos é nacionalista e vai tirar força aos comunistas, antifas e outros ainda piores.

Veja os vídeos de Salazar no nosso forum em www.p-n-p.forumeiros.com, no tópico Partido Nacionalista Portugues de Hugo Marques, e veja os vídeos de Salazar onde se vê no último tópico, a vitória que Salazar obteve,com uma grande maioria sobre Cunhal e como a comunista Odete Santos reagiu.Veja, está lá.
É só abrir o Utube.
Ora, nós não queremos esta gente a ganhar terreno, por contornos e mentiras e promessas.

O José Pinto Coelho, pode ser um pouco ingénuo com referência ás pessoas por quem ele se deixou controlar, mas podemos garantir-lhe que é uma pessoa muito educada, de famílias portuguesas muito boas, e que nunca teria um comportamento daqueles se fosse ao contrário., e também não é mentiroso.
Como deputado daria que fazer ao Louça e companhia.......diosso não haja dúvidas.....
 
Ah e o PNP, ao contrário de outros, está aberto a opiniões e adversidades de opiniões e até críticas constutivas. Gostamos que nos apresentem conjuntos de iedias, para melhor sabermos o que fazer e como fazer para remediar o que está mal.O que se fez sobre o Outdoor, foi uma crítiaca cosntrutiva......mas a resposta foi desrespeitosa aos "boers" e aos evangélicos que também são portugueses.
Saiam para o terreno a houvir o povo............

Não foi aproveitado nem é de nenhum gosto atroz, mas a nossa opinião é de que ele deveria trer-se concentrado noutro tópico, pois os portugueses na sua maioria nem sabem a diferença entre emigração e imigração e é sempre muito polémica esta questão, pois muitos pensam logo e se mandam embora os nossos que são cinco milhões em diversos países da Europa? O assunto da imigração e da emigração é sempre muito complicado.............
 
Não queria voltar a este assunto,mas se me permitem,e dado que o chamado "PNP"volta a atacar,vou mais uma vez dar a minha opinião,a qual sendo anteriormente uma mera impressão,agora é definitiva.
Por muitos defeitos que tenha o PNR,e tem,o certo é que,bem ou mal é um partido,associação privada de direito público,que com mais ou menos militantes,com mais ou menos erros, é um partido.
O dito "PNP" que aqui aparece não é rigorosamente nada,nem me parece que venha a sê-lo.
A coisa é quase tão ridicula como se eu em vez de assinar com o meu nick,assinasse BDN disse(e podem ter a certeza que o se calhar teria muito mais substância e propriedade).Mas seria deslocado,ridiculo.
O mal do nacionalismo é que vive de sonhos,quimeras e mesmo lunáticos.O excêntrico exemplo do "PNP" que ninguém conhece a não ser poucos na blogosfera é uma amostra quase risivel desse vicío.
O nacionalismo sé se imporà quando se deixar destas brincadeiras.
Nessse contexto,estes grupos,sub grupos e partidos virtuais prestam um mau serviço à nossa causa.
Sardoal
 
É assim, primeiro, o PNP, tem uma maneira diferente de ver a situação do nacionalismo em Portugal. Porquê? Primeiro, porque é essencialmente lusitano, depois gostamos da diversidade de diversas opiniões, mas práticas, simples e que todo o português comreenda. Como nacionalsitas e portugueses reconhecemos que temos uma história riquíssima, assim como tradições admiráveis, que temos que divulgar continuamente em Portugal e no estrangeiro.. Se os americanos fazem grandes filmes de cowboys, e não saem do mesmo, mas que tem muito sucesso pelo mundo fora, quanto mais nós temos uma história e uma culturna única no mundo,não deveríamos de fazer o mesmo? e deixe-nos que lhe diga,tudo o que é português, é muito apreciada pelos estrageiros que se deliciam com tudo quanto por aqui vêm quando nos visitam.Portanto somos nacionalistas essencialmente lusitanos.repetimos.

Por outro lado, ainda somos diferentes, porque nós aceitamos toda uma diversidade de opiniões e ideias e aprendemos com elas todos os dias. Todos nós estamos numa apredizagem constante e não somos nem nunca niguem pode pensar que pode ter o monopólio do Nacionalismo em Portugal.

Por exemplo os nacionalistas americanos, e os sulafricanos e outros, têm obrigatoriamente de ser "protestantes", pois para eles, todos os que prestam vassalagem ao papa são traidores aos seus interesses.e ao nacionalsimo em geral. Nada mais errado, pois muitos padres são verdadeiros nacionalistas e pela história fora, muitos defenderam os nosso interesses de uma maneira admirável.

Por outro lado ainda, sabemos que também quer fundar um partido. Nós desejamos-lhe o maior dos sucessos no seu projecto, e de modo algum vamos combate-lo ou denegrí-lo.

Um Natal muito feliz, para si, para sua família são os nossos sinceros desejos

PNP

.
 
O que é dado a verificar é que nem o P.N.R que está forte e recomenda-se nem o B.D.N e o P.N.P o novo partido Boer podem dar alternativas ao povo Português. felizmente existe alternativa neste momento é o Partido Nacionalista Solidarista Identitário dos Trabalhadores Portugueses, que até pelo nome é muito mais credível do que esses B.D.N e pelo P.N.P, que é dominado por um pastor evangélico que agora vive no Porto.

Pelo que o P.N.S.I T.P também deseja a todos também um santo Natal
 
O PNSITP deve estar numa grande confusão. PNP dominado?
Primeiro ninguémdomina ninguém, quando muito podemos orientar, depois por um Pastor Evangélico?Bem mal por mal, antes isso, não se ter lembrado de dizer por um budista ou por um hindu~????????????
A difiamção assim já não fazia tanto efeito.

Quanto ao P.N.S.I.T.Ppor favor mandem-nos ovossosite.

Obrigado

PNP
 
2008/9

Para si e sua família desejamos um natal muito Feliz assim como um Novo Ano cheio de muita saúde, prosperidade e do melhor,

dos amigos e camaradas quer de Lisboa, Leiria como do Porto,Africa do Sul,e EUA

PNP
 
Como é que um "partido" sério,como o "PNP", utiliza uns estatutos cujo autor não autorizou a sua divulgação?
Olhe que está mal e deve um pedido de desculpas à pessoa em questão
 
Olhe que não, olhe que não.........mais uma vez está enganado/a

É pena que do lado dos antifas faça "chuva" e dos nacionalstas "tempestade"...........
 
Há dias trocavam-se opiniões e alguém disse, "se hoje os nacionalistas em Portugal ,em vez de viverem unidos, pois uns são nacionais socialistas,outros patriotas, facistas, Salazaristas, Monárquicos, etc...etc.. com as suas guerrinhas, difamações e intrigas, o que não seria se estivesses no governo????????????????


Dá que pensar, realmente dá.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]