sexta-feira, fevereiro 20, 2009


AINDA SOBRE ESSA ABERRAÇÃO DO CASAMENTO ENTRE PESSOAS DO MESMO SEXO

A aberração do casamento entre pessoas do mesmo sexo promete vir a dominar o próximo congresso do PS, que se realizará de 27 deste mês a 1 de Março em Espinho.
Depois do Carnaval, como já se aperceberam.
Um militante histórico do partido, António Brotas, levará à reunião máxima dos socialistas uma moção sectorial defendendo que deve ser objecto de referendo a proposta de legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Se a moção for aprovada - o que é de todo improvável, visto que esta ideia não é bem acolhida na direcção do partido - os deputados do PS ficariam na próxima legislatura (2009-2013) impedidos de legislar sobre o casamento homossexual sem que antes fosse promovida uma consulta popular nacional.
Na minha opinião esta aberração nem sequer devia de ser colocada. Contudo, já que o intuito da esquerda é fazer passar o reconhecimento oficial do “casamento” entre pessoas do mesmo sexo, a questão de um referendo não me parece mal.
È um mal menor. Isto, porque a esquerda unida fará aprovar no Parlamento a legalização destes pseudo-casamentos.

Quando se trata de atacar as instituições tradicionais a esquerda une-se com toda a força.
Tudo quanto for para destruir os alicerces da família tradicional, a esquerda não tem pejo de falar a uma só voz.
E o mais irritante de tudo é que, nos últimos trinta anos, o têm conseguido.
Pois é …
Os restantes partidos têm manifestado um silêncio arrepiante. Contudo – façamos justiça – o Partido Nacional Renovador tem sido o único que tem levantado a voz.
O combate contra a aberração do casamento entre pessoas do mesmo sexo tem sido um combate do PNR.
Façamos justiça. E que o Povo de Portugal saiba reconhecer isso.

Na minha opinião, pode levar tempo. Mas um dia reconhecerá
Manuel Abrantes

Comentários:
Infelizmente, e sobre o que se lido e seguido na comunicação social, tanto o PS como o BE querem que pessoas de sexos diferentes se casem e tudo farão para o conseguir...............
 
Hasta la vitória, siempre!"

Data de 1971 a resolução do Primeiro Congresso Nacional de Educação e Cultura de Cuba onde se decretou que "os desvios homossexuais representam uma patologia anti-social, não admitindo de forma alguma suas manifestações, nem sua propagação, estabelecendo como medidas preventivas o afastamento de reconhecidos homossexuais artistas e intelectuais do convívio com a juventude, impedindo gays, lésbicas e travestis de representarem artisticamente Cuba em festivais no exterior." Foram então estabelecidas penas severas para "depravados reincidentes e elementos anti-sociais incorrigíveis".

Em 1959 ao tomar o poder em Cuba, Fidel declarou que "um homossexual não pode ser um revolucionário".

Consta que o próprio Guevara, ao encontrar na Biblioteca da Embaixada Cubana em Argel, a obra Teatro Completo de Virgilio Piñera, homossexual assumido, jogou o livro na parede, dizendo: "como vocês têm na nossa embaixada o livro de um ‘pajaro maricon’!" o sinónimo cubano para maricas
 
As esquerdas e especialmente o Partido Socialista -- em todo o lado -- tentam debaixo da capa dos direitos humanos, defender o estilo de vida preferêncial da minoria homosexual .

A pederastia, o lesbianimo e a pedofília fazem parte do vasto grupo de desvios sexuais que as Esquerdas tentam legalizar e fazer com que o resto da população aceite como situações normais.
Armando em defensores de direitos e apelando á tolerância das maiorias, uma vez que consigam daquelas uma aceitação do casamento entre pessoas do mesmo sexo, as portas estão abertas para que toda uma série de exigências que se seguem não possam ser recusadas.

Dentro dos diversos Governos Europeus e ao mais alto nivel abundam os Homosexuais.
Não se apresentam abertamente por enquanto, mas aguardam com optimismo a oportunidade de "sairem do armário"; entretanto as ‘tropas de choque’ que eles suportam saem para as ruas com as suas exibições bizarras e aberrantes exigindo reconhecimento e aceitação.

Todos pedem compreensão e tolerância. Parecem inofensivos !
Mas os individuos são ferozes e reagem com violência acusando todos os que não concordam com eles de serem Homofobos. É chapa batida e já gasta mas assusta alguns politicos !

Os 'GAY' em todo o lado não passam de uma minoria. Felizmente!
E como minoria tem de ser tratados.
Não devem ser perseguidos nem descriminados.
Tem todo o direito de ser aquilo que querem ser desde que nas suas práticas e 'estilo de vida' não infrinjam as leis vigentes nem afectem ou afrontem os outros, a maioria que não segue seu “estilo de vida”. Não se lhes deve dar a oportunidade de a coberto do "status" de minoria adquiram previlégios e protecções especiais que não são concedidas ás maiorias não-Gay..

Portugal deve opor-se a aprovação da Agenda GAY.
Não pode haver hesitação da parte das forças nacionalistas em colaborar entre si e com os Católicos e outras organizações civícas e religiosas no sentido de derrotar a aceitação política e legal daquela Agenda. Se ela passar, o que se seguirá serão pedidos para o avale a “estilos” e práticas ainda mais repulsivas e desumanas. Coisas como a EUTANÁSIA, a EUGENIA e o "Amor Livre Homem-Criança ", sendo esta a razão principal porque muitos “casais GAY” desejam poder adoptar crianças.

É a Cultura da Morte vinda de Washington via Bruxelas a tentar tomar conta de Portugal como já tomou da conta da Holanda e que está conduzindo aquele – outrora magnífico e exemplar -- país para uma decadência social rápida.
A Holanda -- e não só ! – enfrenta hoje a possibilidade de vir , num futuro não muito longínquo, a ser "conquistada" pelos Islamicos que não embarcam na porcaria e podridão praticada em muitas sociedades da Europa debaixo da capa de direitos e liberdades.

Não pode ser este o futuro de um Portugal que se quer que seja "moderno" mas que para isso não necessite ser forçado a abandonar ou abdicar dos tradicionais valores cristãos e históricos que tão bem o tem servido durante séculos.

Renato Nunes
Carolina do Sul, EUA
 
Caro amigo e companheiro Abrantes,
Ainda não percebeu que estamos entregues a gente que na sua maioria perdeu toda a dignidade, toda a moral e decência e tudo quanto há demais sagrado no mundo que é a Celebração do Matrimónio, para dái advir a família, o pilar de uma sociedade?
Agora você veja, por exemplo, receber um convite nos seguintes moldes:

Os exmos srs.
Nome do pai e da mãe

convidam V. Exa. para a celebração do casamento de seu filho

FERNADO DOS SANTOS

com o noivo


ANTONIO FERRÃO

no seguinte endereço...............
e as bodas terão lugar em...........


Que tal um convite destes?

Olhe que não estamos muito longe disto acontecer, a não ser que isto tudo dê uma grande volta, mas pelo andar da carruagem...............


PNP
 
Nós no PNP, temos feito uma campanha de enviar um mail directamente para o 1º Minsitro a demonstrar o desagrado perante a tentativa deste na legalização do casamento entre gays e temos pedido que cada um peça a um amigo que envie o pedido para que dez amigos assim o façam sucessivamente.

o endereço do 1º Ministro é:

Exmo Sr. 1º Ministro de Portugal~
José Sócrates

pm@pm.gov.pt repetimos aqui o mail:


pm@pm.gov.pt

atenção que se deve mostar o desagrado sobre a celebração do casamento e nunca discriminar contra os gays só por si, pois é contra a lei.

quanto ao PNR, eles lá isso têm falado, mas infelizmente, como partido desacreditado devido a diversos problemas, nesta altura, a melhor maneira é cada cidadão mostrar o seu desagrado dirtectamente para o 1º Ministro, é isto é o que o PNP tem feito e vai continuar a fazer.

PNP
 
Aproveitamos para transcrever aqui um artigo sobre um missionário que vezes por outra escreve no nosso forum e o qual deu a sua opinião sobre o homossexualismo.

CASAMENTO ENTRE HOMENS COM HOMENS E MULHERES COM MULHERES
por gideao

Como missionário que sou, e conhecendo o que é a vontadade de Deus para o homem, assim como o Seu desagrado, venho por este meio informar do seguinte:


Portugal como uma Nação Cristã, tem responsabilidades pois conhece a base e os ensinamentos de Jesus Cristo o Nosso Salvador.

Quando o Apóstolo Paulo, se expressou sobre o homossexualismo ele considerou este acto como uma abominação e uma evidência máxima da degeneração humana , assim como o derradeiro grau da depravação.

Qualquer nação que justifica o homossexualismo ou o lesbianismo como modo aceitável de vida, está nas etapas finais da corrupção moral e sob sujeita condenação eterna do próprio Deus. E a prórpia Bíblia , o Livro Sagrado que orienta toda a Cristandade e a nossa civilização dã-nos exemplos muito sérios como Sodoma e Gomorra.

Não aceitamos a discriminação dos que ao serem ou pensam que são homossexuais, vivam no nosso meio, no entanto não aceitamos os seus actos, e ao fazê-lo, estamos a usar do direito que nos confere o Estado em que vivemos, pois cenas públicas de dois hoemsn ou duas mulheres em certas intimidades, como o se beijarem na boca, e o estarem nas prais ou outros lugares públicas em posições obscenas, são tão poluentes como qualquer outro tiupo de poluição.


Gideão
Missionário
gideao











Resposta rápida:
 
As medidas populistas e demagógicas fazem parte da democracia. Qualquer político neste regime promete tudo e mais alguma coisa para ganhar votos. Se não fosse o "casamento" civil entre pessoas do mesmo sexo, seria outra coisa qualquer.
Não faz sentido nenhum defender a democracia e depois suspirar pela moralização da sociedade.
Quem abre a jaula dos macacos não pode estar à espera que os primatas se comportem civilizadamente. Quiseram o 25 de Abril, não foi? Então agora aguentem a macacada!

Dux Bellorum
 
ISSO NÃO É DESCULPA. SE ESTÁ MAL TEM QUE SER ENDIREITADO.

A LIÇÃO VAI SER DURA, MAS TEM QUE SER AINDA MAIS DURA PARA VER SE ESTE POVO APRENDE DE UMA VEZ PARA SEMPRE.

QUANDO SE SOUBER A VERDADE DO 25 DE ABRIL, POIS MUITOS AINDA SONHAM QUE FOI A LIBERDADE E NÃO SEI QUE MAIS, QUANDO SE SOUBER A VERDADE, E ALGUNS JÁ A SABEM, ENTÃO O POVO VAI PEDIR CONTAS.

OLHE QUANDO A FOMINHA COMEÇAR A APERTAR E NÃO HOUVER PÃO NA MESA, ENTÃO VAI VER O QUE VAI ACONTECER.

E NÃO ESTAMOS MUITO LONGE DE GRANDES AGITAÇÕES SOCIAIS COMO NUNCA NA HISTÓRIA DESTA PÁIS HOUVERAM.

TEMOS ANDADO A BRINCAR AOS 25 DE ABRIS E ÁS LIBERDADES E ÁS FACILIADES, AGORA A FACTURA VAI VIR...............
 
Sempre por Deus,pela Pátria,pelo Rei e pela Raça.
 
Pelo Rei, não sei, pois somos uma Republica, embora nós no PNP tenhamos muitos Monárquicos que são mais nacionalstas que muitos Republcanos. Refiro-me certamente ao seu patriotismo e á sua preocupação com o Estado da Nação.

No entanto pelos outros tópicos

DEUS
PÁTRIA
RAÇA

estamos totalmente e completamente de acordo com Nacional Integralista


Voltando ao casamento dos Gays, ainda agora na entrega dos Oscares nos EUA lá ´
vem mais um empurrãosinho do "lobby gay" que em todo o mundo crece assustadoramente.e usa todos os meios para normalizar algo que não é normal.

Hollywood, embora tenha oferecido ao mundo filmes espectaculares, é ao mesmo tempo uma fonte de corrupção, imoralidade e depravação, tanto que nos EUA muitos americanos em diversas cidades teêm os seus próprios canais televisos privados para proteger os seus filhos e famílias da intoxicação de Hollywood, onde tudo vale, e se faz de tudo, pela fama, pelo dinheiro e sabe-se lá porque mais.

Agora até promovem a troca de casais................

Uma autentica Babilónia......
 
A VERDADE DA VIDA HUMANA ASSENTA NA COMPLEMENTARIDADE DO HOMEM E DA MULHER.


(Nota pstoral da conferência episcopal Portuguesa)
 
Estamos convictos de que esta intervenção que vem a seguir está fora de contea ser abordado por manuel Abrantes, mas achámos tão interessante que aqui transcrevemos para que os portugueses se sintam orgulhosos dos seus emigrantes e de serem portugueses:

EMPRESÁRIOS PORTUGUESES NA FRANÇA- VERDADEIRO SUCESSO EMPRESARIAL
por Rui Barandas Hoje à 4:10 pm

Empresários Portugueses de França”
um filme de Carlos Pereira e Nélia Martins

São essencialmente homens, da primeira geração da emigração portuguesa para França. Muitos deles passaram a fronteira a ‘salto’, clandestinamente. Sairam de Portugal sem nada, na maior parte dos casos sem falar francês, e com uma formação académica quase inexistente. “Foi como que se tivessem lançado ao Tejo sem saber nadar”.
Hoje são considerados ‘Emigrantes de sucesso’, têm grandes empresas, algumas delas multinacionais. Carlos da Silva, Presidente da GO Voyages ‘pesa’ 400 milhões de euros de volume de negócios.
A maior parte fixou-se definitivamente em França, mas quase todos continuam a gostar de Portugal ao ponto de aí investirem. “Porque esse é o nosso dever” como diz Joaquim Pires, construtor de casas de luxo na baía de Saint Tropez.


“Empresários Portugueses de França”
Um filme de Carlos Pereira e Nélia Martins
Imagens de José Lopes, Sylvie Crespo, Nélia Martins, Carlos Pereira
Voz de Clara Teixeira e Carlos Pereira
Produção de Aniki Communications
Para a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas

2008, 16 min


A ver integralmente na internet:
www.aniki-communications.com


PNP
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]