segunda-feira, junho 08, 2009



O PRINCIPIO DO FIM DA ERA DE SOCRATES

Os resultados, e a vitória clara do PSD de Manuela Ferreira Leite e do Paulo Rangel, cavaram a sepultura política da arrogância e da prepotência do governo socialista do senhor Sócrates.
Agora, já nem se coloca a questão de que o PS ganhará as Legislativas só restando saber se com maioria absoluta ou não. Agora, coloca-se a dúvida sobre quem vencerá essas eleições e formará o próximo governo.
A vitória claríssima do PSD veio colocar a nu a intoxicação das sondagens efectuadas pelos médias durante, e antes, da campanha eleitoral.
Cavaram a sepultura politica da Manuela Ferreira Leite. Agora, tem de chupar com ela.


O PNR
Deixemo-nos de analises do tipo : somos sempre vencedores.
O PNR obteve 0,37 por cento do eleitorado e apenas o POUS da Carmelinda Pereira teve menos votos.
Subir dos cerca de 8.000 votos para pouco mais de 13.000, não representa nenhuma vitoria nem sequer é sinal de um crescimento – o que seria natural – de um partido que se quer impor.
Tudo isto, mesmo com um candidato que se mostrou à altura de competir por um lugar no Parlamento Europeu.
Humberto Nuno de Oliveira demonstrou clarividência nas suas opções e na forma de se apresentar ao eleitorado.
O que é que falhou ?
Quanto a mim não foi a sua mensagem. Foi, e é, a imagem do PNR.
O PNR já não consegue livrar-se da imagem do radicalismo obsoleto e dos escândalos mediáticos de alguns dos seus membros.
Doa a quem doer, esta é – INFELIZMENTE !!!! – uma verdade.
E certo que sabemos que a comunicação social não divulga nada que seja de positivo para o PNR. Contudo, também este, não consegue – nem sabe – furar esta barreira e ultrapassa-la.
O PNR não está morto politicamente. Está, é, ferido de morte. Mas as feridas, por mais profundas que sejam, podem sarar-se.
Manuel Abrantes

Nota final para o Dr. Humberto Nuno de Oliveira.
Amigo! Não houve nenhuma derrota. Se alguém ficou a perder foi o Povo de Portugal que perdeu a hipótese de ter um verdadeiro representante em Bruxelas.

Comentários:
O PNP bem sabe como tem sofrido na pele, por muitos pensarem que somos o PNR,e como muitos Portugueses sabem o nome do Mário Machado e tal como sempre temos vindo a dizer, o PNR poderia ter um outro protagonismo na vida política nacional, que tanto precisava, mas perderam muito tempo com muitos coisas que só denegriram o mesmo.

Muitas vezes démos o exemplo do Partido Nacionalsta da Bulgária, com quem mantemos laços muito apertados, os quais nos disseram que só quando pararam de falar nos ciganos, nos gays, e nos imigrantes, e se dedicaram á Bulgária profunda, exercendo uma política de filantropia e ajuda do povo da Bulgária, rapidamente se tornaram na 2ª maior força política naquela País, tendo vinte e poucos deputados na Assembleia da Republica e alguns no Parlamento Europeu, com canal prórpio da Televisão etc...

Nós no PNP, estmos muito esperançados, pois o Nacionalsmo está a renascer na Europa, e em Portugal será a mesma coisa.

Votámos no PNR como prometemos e só do Porto mil e tal pessoas votaram nele, mas não chegou nem vai chegar nunca mais.

PNP
(Lusitano,Conservador e Cristão)
 
Caro
Abrantes,
Tu o escreveste, ..."Está, é, ferido de morte."...
Não acredito, que, com a desastrosa estratégia do PNR nos últimos anos, ainda tenha quaisquer possibilidades de vir a obter algum resultado positivo, ficara reduzido a um mero nicho de radicais, de indivíduos que vivem duma nostalgia que nunca conheceram e nada mais.
é uma pena para mim, e certamente para ti, que o único partido nacionalista existente em Portugal tenha descido tão baixo, e não vejo como se há-de reerguer, está ferido de morte tal como tu disseste e já não acredito que vão conseguir sarar as feridas, tanto mais, que outros partidos que apareceram no especto político ultrapassaram-no em grande escala.
Não tiveram um apalavra para os pobres que cada vez são mais pobres, não tiveram uma palavra para os pequenos comerciantes que estão todos a fecharem as portas sem que ninguém lhes ligue, não tiveram uma palavra uma palavra sobre o estado de degradação da Economia e da brutal dívida pública, não tiveram uma palavra sobre nada a não ser sobre os imigrantes, nem sequer sobre a imigração desregrada e os seus promotores, propriamente dita.
É nitidamente um partido sem orientação, que joga por impulsos, e que faz um grande jeito ao regime, pois não constituindo nenhuma ameaça séria ao mesmo, serve para este se afirmar muito democrático, tanto, que até permite a existência dum partido "fascista".
Isto, que qualquer aprendiz de político percebe, não entra em certas cabeças nem à martelada.
Querem-se matar, é lá com eles, mas, pena é destruírem com isso o sonho de um partido nacionalista forte e consentâneo com a defesa de Portugal.
Vamos ver quais são as "ovelhas negras", que vão sair do especto político.
Enfim, resta-nos comportar no nosso dia-a-dia como verdadeiros nacionalistas, o resto, é para esquecer.
Um abraço

LUSITANO
 
Estas eleicoes -- quando as proximas eleicoes gerais tiverem lugar reconfirmar-se-a se esta minha suposicao esta correcta ou nao -- provaram-me duas coisas.

1. O P.N.R. ou muda de rumo -- se Pinto Coelho tiver a coragem e o deixarem -- e abandona de vez as claras tendencias Neo-Nazistas de um partido que se diz ser NACIONALISTA (?) ) ou esta arrumado. Verdadeiramente arrumado.

Nunca acreditei que um partido marginalizado pelo Povo Portugueses conseguisse mais do que conseguiu apesar dos apoios morais e de solidariedade do Estado Novo e do P.N.P.

Nem pensei que H.N. pudesse alguma vez alcancar numeros mais elevados do que a miseria alcancada,-- sejamos realistas ...foram deploraveis ! -- quando uma analise da pessoa e das ideias que advogava nos levavam a concluir que era um individuo que dissimulava mal a sua simpatia pelo neo-Nazismo e pelo anti-Semitismo.
Que e que H.N. poderia esperar de votantes que regeitaram sempre e cada vez mais o extremismo e radicalismo politico?

Com os resultados que teve o P.N.R. colocou-se exactamente onde merecia estar colocado, isto e, a beira da extincao total.
E um "corpo" quase sem vida.
So um milagre o pode salvar, e esse milagre nao e o Nacional- Socialismo de Hitler que eles estupidamente copiam!

2. O ABSTENCIONISMO DE 60%.
Nao estou desapontado. Antes pelo contrario. Estou bastante satisfeito que o abstencionismo em leicoes esteja subindo.
Interpreto sua subida como algo de BOM para Portugal !
Quer dizer que, ao contrario do que por ai se diz, o Povo nao esta nem anestesiado nem morto.
O Povo esta sim FARTO de democracismo e de ser governado por corruptos, oportunistas e incompetentes e recusa-se a colaborar dando-lhes votos.

Com o continuado aumento do abstencionismo comeca a desenhar-se no horizonte a possibilidade do aparecimento de uma verdadeira lideranca Nacionalista que ponha fim a baguncada em que se vive ha 35 anos, com os resultados que sabemos.

Talvez que em Portugal ainda se possa encontrar um verdadeiro LIDER NACIONALISTA LUSITANO que saiba bem servir Portugal e o seu Povo, com empenho, com honestidade, com competencia.
Ja tivemos um e recuso-me a acreditar que tenha sido o ultimo !

Alguem que se possa identificar com um Nacionalismo do cariz advogado pelo P.N.P..
Um Nacionalismo "Made In Portugal", Cristao e Conservador que tanto pode servir Monarquicos como Republicanos.Que sirva TODOS !

Estas eleicoes tiveram o condao de reforcar as minhas esperancas quanto a possibilidade de virmos a ter num futuro nao muito longinquo um Portugal mais a serio.
Bem o merecemos que tal aconteca e como tal nao podemos dormir a sombra da bananeira so porque desta vez os Socialistas perderam. Podem ter a certeza de que eles vao redobrar nos seus esforcos. NUNCA SUBESTIMAR JOSE SOCRATES !

Ha que redobrar a nossa actividade Nacionalista se e que queremos aumentar o suporte popular e aumentar os nosso numeros!
Aindda somos poucos mas o ter vontade de vencer por vezes e mais importante que os simples numeros.
Ainda somos poucos mas temos de ser melhores que os outros.
Renato Nunes
 
Sr. Renato Nunes, não subestime por um momento a potencialidade do PNP o qual já tem toda uma
estratégia delineada, agora é só seguí-la e nas legislativas daqui a 4 anos conseguiremos ter um Partido Nacionalista na Assembleia da Republica.(marque este dia). parece muito longe, em termos de tempo, mas quem sabe se até não será antes, com todas as convulsões politicas que por aí vão vir..........

Hoje, tivémos o prazer de falar telefonicamente com o BNP, British National Party, e darmos-lhe os parabéns por terem ganho dois lugares no Parlamento Europeu.

Com doze escritórios espalhados na Grã-Bretanha, contaram-nos que tal como o PNP começaram com dois membros, tendo hoje milhares de militantes.A sua estratégia é parecida com a nossa.

Nós no PNP, estamos a formular parceria com mais partidos irmáos nossos para que juntos possamos ser uma grande força nacionalista pela Europa fora, incluindo Países do Leste Europeu. Já começou, e não vai parar nunca mais, pois os europeus estão cansados do socilismo, logo o terem perdido em vários Países.

Outro assunto que nos custa a acreditar e que mais reforça a aversão cada vez maior por parte dos Portugueses contra os socialistas e os seus primos comunistas(os comunistas vencem sempre no Alentejo, região paupérrima, que toda uma força misteriosa que mater) é a movimentação de Mário Soares em levantar abaixo assinados para que Durão Barroso não volte ao lugar que tem executado muito bem no Parlamento Europeo.

Nós no PNP, perguntamos, quando é que haverá um abaixo assinado para levar os seguintes senhores perante um Tribunal Internacional ( Pois se for em Portugal, não vai a lado nenhum) por causa da linda descolonização que fizeram.............onde empurraram milhares de famílias portuguesas para uma verdadeira hecatombe, que não tem custos em vidas destoçadas e em conterraneos nossos assassinados:
MELO ANTUNES
ROZA COUTINHO
MARIO SOARES

PNP
(Lusitano, Conservador e Cristão
O ORGULHO DE SER PORTUGUÊS

www.p-n-p.forumeiros.com
 
UMA ESTRAGÉGIA PARA PORTUGAL........
O PNP, tem constado nos seus diversos contactos com grupos de jovens, muitos deles licenciados que a sua auto-estima com relação a eles próprios e a Portugal, está muito em baixo, LOGO O NOSSO LEMA SER UMA DIVULGAÇÃO CONSTANTE DE: ORGULHO DE PORTUGAL e ORGULHO DE SER PORTUGUÊS.

O PNP reconhecendo que muitos deles têm razão e que os nossos jovens são a continução do Portugal de amanhã, e conhecendo os problemas que eles enfrentam diáriamente, concluiu o seguinte:

1- Tem que haver uma mudança profunda no padrão de actividades e mentalidades que em nada favorecem os mesmos, nem o País, pelo que advoga os seguintes pontos como muito importantes :

A-Modificação e melhoramento do nosso ensino básico e secundário introduzindo modificações curriculares para favorecer a capacidade de aprendizagem como ajudar a resolver problemas e criar conhecimentos, logo a reintrodução das Escolas Técnicas, abolidas no 25 de Abril, pelas esquerdas que diziam ser do Estado Novo, logo não serem adequadas.......... no entanto tanta falta fazem. O PNP, também reconhece que a mentalidade dos portugueses continua a de que todos têm que ser doutores e engenheiros, o que não há razão de ser, porque nem todos reunem capacidades para o serem, mas também porque muitos dos nossos jovens necessitam de entrar no mercado de trabalho a curto prazo. (Há profissões não Universitárias que são de longe mais bem remuneradas, logo a necessidade de uma transforção de mentalidades)

O PNP também advoga a aprendizagem do Inglês, ensidado por nativos de países de língua Inglesa, pois temos notado que muitos professores portugueses a ensinarem o Inglês, dominam esta lingua muito mal, logo o não poderem ensinar a mesma, pois como será que alguém possa dar algo que não tem?

B-Responder e orientar aos que, querendo transitar para o ensino superior, sejam CONDUZIDOS para cursos que mais se coadunem com as suas aptidões, e encontrem nas Univerdidades, quer Estatais como privadas, um ENSINO QUE DEVERÁ SER DE EXCELÊNCIA e que favoreça a Inovação, Investigação, Informação, reforçando relações com outras Universidades no Estrangeiro, as quais ocupam posições de liderança na Inovação Tecnológica á escala Mundial.

C-E por fim uma qualificação intensa e constante, dos recursos humanos, quer nas empresas privadas, quer nas estatais. O PNP considera ter sido criminoso o esbanjamento dos fundos estruturais que se destinavam para este fim, mas que nunca foram devidamente aproveitados nem usados para bem dos Portugueses.

O PNP, também acredita serem os desportos a todos os níveis, muito essenciais para a boa formação física dos jovens portugueses quer no ensino básico como no secundário, e assim incentivar á prática dos mesmos.........

o PNP acredita plenamente na potêncilidade de Portugal e dos Portugueses e tem como objectivo uma estratégia de orientação para fazer de Portugal num horizonte próximo, um dos países mais competivios da UE, mas para isso terão de ser analizadas, estudas e desmascaradas, as forças ocultas, e misteriosas, que a todo o custo paralizam a economia e o desenvolvimento de Portugal e dos Portugueses...............

PNP
ORGULHO DE SER PORTUGUÊS...
www.p-n-p.forumeiros.com
 
A NIVEL DE ENSINO PRIMARIO OU SECUNDARIO ONDE A APRENDIZAGEM DE UMA LINGUA ESTRANGEIRA NAO E PARA EFEITOS DE ESPECIALIZACAO MAS IM DE CULTURA GERAL ACHO QUE PORTUGUESES A ENSINAR PORTUGUESES ESTA MUITO BEM.

IMPORTAR ESTRANGERIOS -- A QUEM TERIAM DE PAGAR SALARIOS MAIS ALTOS DO QUE PAGAM A PORTUGUESES --PODERIA VIR A SER UM DESASTRE POIS CREIO QUE HAVERIA LOGO REACCOES -- E COMPREENSIVEL -- DOS PROFESSORES NACIONAIS.NINGUEM ESPERA QUE UM PORTUGUES DO ENSINO SECUNDARIO SAIA DO LICEU A FALAR O INGLES COMO FALA UM BRITANICO.

NOS E.U.A. NO ENSINO SECUNDARIO DE LINGUAS ESTRANGEIRAS E FEITO POR AMERICANOS NATIVOS E NAO POR PROFESSORESS IMPORTADOS.
NO ENSINO UNIVERSITARIO JA E UM CASO DIFERENTE DADA A ESPECIALIZACAO E QUALIDADE DESEJADA E REQUERIDA.
 
Mas aqui, e nós tivémos a ocasião de observar, os nossos professores de inglês,falam muito mal a lingua inglesa.

De qualquer modo, então que os nossos professores vão para a Inglaterra a aprender melhor o Ingles, para o poder ensinar devidamente aos alunos, pois é importante que qualquer cidadão nos dias de hoje domine bem esta lingua.
Nos países Nórdicos, da Europa, qualquer cidadão fala correctamente a mesma........

PNP
ORGULHO DE SER PORTUGUES
(Lusitano, Conservador,Cristão)

www.p-n-p.forumeiros.com
 
Caro Manuel Abrantes,

Uma das razões para que o nacionalismo não vingue em Portugal está mesmo aqui no texto que publicou e note-se que não me estou a referir ao "radicalismo obsoleto" que afirmou, mas sim, com toda a certeza, a análises deste calibre.

Apesar do crescimento inegável do PNR nestas europeias (e olhe que os números não mentem, ao contrário de certos comentários...) é óbvio que poderíamos almejar muitíssimo mais votos. Aliás, a natureza de um nacionalista prende-se com o amor a Portugal e aos Portugueses, pelo que a luta por tais ideias jamais se poderá traduzir por meros votos.

Mas adiante!

A verdadeira razão para os resultados não terem traduzido nas nossas (elevadas!)expectativas prende-se com o bota abaixo visível neste blogue, que, verdade seja dita, e perdou-me a sinceridade e frontalidade, espelha bem aquilo que se vem passando na dita comunidade nacionalista, cujo objectivo primordial é denegrir, claramente, o PNR, a sua imagem, a sua direcção e, mais grave ainda, os seus militantes. Note-se que não estou a dizer que o próprio Manuel Abrantes o faça aqui no seu blogue, apenas o que estou a dizer é que, pelo que leio aqui, e faço-o com bastante regularidade, muito se fala injustamente sobre o PNR e os seus militantes e, grande parte das vezes, tal acontece devido a certos "nacionalistas" se aproveitarem de si, e, neste caso, do seu blogue através dos comentários, para difamarem tudo e todos. Digo e repito: não é uma crítica a si principalmente, mas sim àqueles que usam (e neste caso, abusam!) para o "bota abaixo" constante que se lê nos comentários.

Mas caso queira partir para uma análise mais detalhada para o resultado do PNR nas europeias, então comece por fazer uma análise ao dinheiro despendido pelos restantes partidos. Veja e compare esses montantes com as classificações! Aliás, quando o TC anunciar o resultado das auditorias face aos financiamentos das campanhas eleitorais vai verificar que o PNR irá-se, muito provavelmente, o partido com menos, ou nenhuma, irregularidades.

Enfim, numa coisa estamos de acordo: quem perdeu, mais uma vez, foram os portugueses!!!

Saudações nacionalistas!
 
Oa números são claros houve um avanço de maisde 60% de eleitores no PNR, por primeira vez foi ultrapassada a barreira dos 0,5% em três distritos (Lisboa, Faro e Setúbal)é pouco, pois é, mas a anaálise tem de ser feita pelo ponto de partida e não por falácias ou desejos que se possam ter.
 
Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Subscrever Mensagens [Atom]